Cantinho Franciscano

Bem Vindo!

Você que agora visita este Blog, seja bem vindo (a); e desejamos paz e bem! Obrigado por esta breve visita, volte sempre a nos visitar. Que São Francisco vós abençoe. Ti cubras de graças paz saúde e felicidades. Amém!

Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz.

Letras e Cânticos


IRMÃO SOL, IRMÃ LUA



Irmão Sol com Irmã Luz
Trazendo o dia pela mão
Irmão Céu, de intenso azul
A invadir o coração. Aleluia!

Irmãos, minhas Irmãs
Vamos cantar nesta manhã
Pois renasceu mais uma vez
A criação das mãos de DEUS. (Refrão)
Irmãos, minhas Irmãs
Vamos cantar: Aleluia, Aleluia, Aleluia!

Irmã flor que mal se abriu
Fala do amor que não tem fim;
Água Irmã, que nos refaz
E sai do chão cantando assim: Aleluia!

Irmãos, minhas Irmãs
Vamos cantar nesta manhã
Pois renasceu mais uma vez
A criação das mãos de DEUS. (Refrão)
Irmãos, minhas Irmãs
Vamos cantar: Aleluia, Aleluia, Aleluia!


ORAÇÃO DE SÃO FRANCISCO DE ASSIS



SENHOR, fazei-me instrumento de Vossa paz,
Onde houver ódio, que eu leve o amor,
Onde houver ofensa, que eu leve o perdão,
Onde houver discórdia, que eu leve a união,
Onde houver dúvida, que eu leve a fé,
Onde houver erro, que eu leve a verdade,
Onde houver desespero, que eu leve a esperança,
Onde houver tristeza, que eu leve alegria,
Onde houver trevas, que eu leve a luz.
Ó Mestre, fazei que eu procure mais
consolar que ser consolado;
compreender que ser compreendido,
amar, que ser amado.
Pois é dando que se recebe
é perdoando que se é perdoado
e é morrendo que se vive para a vida eterna ...


DOCE É SENTIR



Doce é sentir em meu coração
Que humildemente vai nascendo o amor.
Doce é saber, não estou sozinho,
Sou parte de uma imensa vida,
Que generosa reluz em torno de mim,
Imenso Dom do teu amor sem fim.

O Céu nos destes e as Estrelas claras,
Nosso Irmão Sol, nossa Irmã a Luz
Nossa Mãe Terra com frutos, campos, flores.
O Fogo e o Vento, o Ar e a Água pura,
Fonte de Vida de tuas criaturas,
Imenso Dom do teu amor sem fim! (bis)


FRANCISCO VAI



1. A vida que eu vivo não me basta mais / Tudo que eu tenho não me serve mais
 Vou procurar o melhor caminho para amar.

 Francisco vai, repara a minha casa.
 Francisco vai, não vê que está em ruínas?
 Não tenhas medo, eu estarei sempre contigo... Francisco vai.

 2. No escuro e no silêncio eu te procurei / E no negror da noite alcei um grito meu
 E gritarei. E só ao meu senhor eu servirei. (REFRÃO)

 3. Altíssimo Senhor, o que queres de mim? Tudo que eu tinha eu já dei a Ti.
 Te amarei, e da minha vida um louvor...eu te farei (REFRÃO) 

ORAÇÃO PELA PAZ

CRISTO, quero ser instrumento,
De tua paz e do teu infinito amor
Onde houver ódio e rancor
Que eu leve a concórdia
Que eu leve o amor!

(Estribilho) Onde a ofensa que dói
Que eu leve o perdão
Onde houver a discórdia
Que eu leve a união e tua paz!

Onde encontrar um irmão
A chorar de tristeza
Sem ter voz e nem vez,
Quero bem no seu coração
Semear alegria, pra florir gratidão!

(Estribilho) Onde a ofensa que dói
Que eu leve o perdão
Onde houver a discórdia
Que eu leve a união e tua paz!

Mestre, que eu saiba amar
Compreender, consolar
E dar sem receber!
Quero sempre mais perdoar,
Trabalhar na conquista,
Da vitória e da paz!

(Estribilho) Onde a ofensa que dói
Que eu leve o perdão
Onde houver a discórdia
Que eu leve a união e tua paz!


CANTA FRANCISCO



Nos olhos dos pobres, no rosto do mundo
Eu vejo Francisco perdido de amor
É índio, operário, é negro, é latino
Jovem, mulher, lavrador e menor

Há um tempo só de paixão, grito e ternura
Clamando as mudanças que o povo espera
Justiça aos pequenos, ordem do evangelho
Reconstrói a igreja na paixão do pobre.
Há crianças nuas nesta paz armada
Há Francisco povo sendo perseguido
Há jovens marcados sem teto nem sonhos
Há um continente sendo oprimido
Com as mãos vazias solidariedade
Com os que não temem perder nada mais
Defendem com a morte a dignidade
Com a teimosia que constrói a paz.

Refrão: Canta Francisco, com a voz dos pobres
Tudo que atreveste a mudar
Canta novo sonho, sonho de esperança
Que a liberdade vai chegar
Canta Francisco, com a voz dos pobres
Tudo o que atreveste a mudar
Canta novo sonho, sonho de menino
Novo céu e terra vai chegar.

Há Claras, Franciscos marginalizados
Cantando da América a libertação
Meninos sem lares são irmãos do mundo
Pela paz na terra sofrem parto e cruz.
Francisco imagem de um Deus feito pobre
Denúncia esperança profecia e canta
Vence com coragem o império da morte
De braços com a vida em missão na história
Francisco menino e homem das dores
Reconstrói a igreja pelo mundo afora
Na fraternidade que traz a justiça
Na revolução que anuncia a aurora

Refrão: Canta Francisco, com a voz dos pobres
Tudo que atreveste a mudar
Canta novo sonho, sonho de esperança
Que a liberdade vai chegar
Canta Francisco, com a voz dos pobres
Tudo o que atreveste a mudar
Canta novo sonho, sonho de menino
Novo céu e terra vai chegar.



O AMOR NÃO É AMADO

No meu sonho eu caminhava tão feliz,

De repente um homem pobre eu avistei ,

Andando pela estrada de Assis,

Tão aflito que confesso eu chorei.

Perguntei-lhe o que tinha acontecido,

Me ouviu, mas ficou chorando sem parar.

Até que enfim me olhou e disse assim:

A Paixão de JESUS hei de chorar.



Pois o Amor, o Amor não é amado.

A felicidade assim não se pode encontrar.

É preciso voltar a JESUS,

O Amor que eu quero amar.



Esse estranho só falava da Paixão,

E usava uma roupa em forma de cruz,

O braço deixava um pedaço de pau,

Violino de pobre cantando o amor de JESUS.

Nós amamos tanta coisa neste mundo,

Dinheiro, prazer, fama e poder.

Tudo, menos o que é mais amável.

Tudo, menos aquele que mais bem nos quer.



Pois o Amor, o Amor não é amado.

A felicidade assim não se pode encontrar.

É preciso voltar a JESUS,

O Amor que eu quero amar.



Muitas vezes olhando um mundo tão triste,

Volta de mansinho ao meu pensar,

A figura do Pobrezinho de Assis,

E com ele tenho a vontade de gritar.

No meu sonho eu caminhava tão feliz,

De repente um homem pobre eu avistei,

Andando pela estrada de Assis,

Tão aflito que confesso eu chorei.



Pois o Amor, o Amor não é amado.

A felicidade assim não se pode encontrar,

É preciso voltar a JESUS,

O Amor que eu quero amar.




O TRAVADOR DE DEUS


Que a luz do criador me ilumine
Com o dom da inspiração e a humildade
Que o trovador de Deus me ensine
A cantar no tom da felicidade por onde eu for

Que o meu canto leve sempre a todos a alegria
Minhas palavras consolo e a harmonia
Que a minha voz leve a sabedoria
E a minha poesia um sonho a mais.

Que os meus olhos como espelhos reflitam a beleza
Que o meu sorriso transmita a pureza
Que os meus ouvidos te ouçam em silêncio
Que eu seja também instrumento de tua paz.

São Francisco me ensina, luz de Cristo me ilumina (bis)

Que os meus pés não se cansem com o tempo
Que os meus ombros suportem a bagagem
Que o meu corpo se transforme num templo
Que os meus braços tenham força e coragem, por onde eu for.

Que os meus passos não se percam nas curvas do caminho
Que os meus gestos levem ternura e carinho
Que as minhas mãos abençoem e afaguem
Aqueles que sentem tristeza e dor.

Que o meu coração mantenha a inocência das crianças
E a minha mente, a prudência e a esperança.
Que a minha vida revele o que eu sou e, por fim
Minha alma se alegre no seu amor.




EU SOU ROMEIRO


1. Eu sou romeiro, romeiro de São Francisco
A devoção por Ti, me fez chegar aqui
Venho à tua casa me encontrar com Jesus Cristo
A minha prece, pede pra o Senhor ouvir
Estou aqui porque posso contar contigo
És meu amigo como foi do Salvador
Viveu flagelo, por amor aos humilhados
Da Natureza és o eterno defensor. (bis)

Eu sou romeiro, romeiro eu sou,
De São Francisco, com muito ardor.
Venho de longe, aqui estou,
Eu sou romeiro, romeiro eu sou.

2. Chegar de longe, praia, serra ou do sertão
De caminhão, carroça, jegue, ou vir à pé
O que importa é vir participar da festa
Com meus irmãos romeiros, festejar com fé
A alegria estampada em cada rosto
Povo devoto, reza, pede, segue a luz
É a confiança no amor de São Francisco
O nosso grande intercessor junto a Jesus. (bis)

3. Volto pra casa com a missão realizada
Longa jornada, mais um ano que passou
Minha promessa a este santo tão querido
Fui atendido pela graça do Senhor
Mais um pedido eu te faço, ó Pai Francisco
Meu compromisso agora, já quero assumir
Manda saúde para todos nós romeiros
Ano que vem, de novo, quero estar aqui. (bis)



O JOVEM DE ASSIS

1. Havia um jovem chamado Francisco/ Só sei que era rico e morava em Assis/ Procurava fama diante de todos/ elevar seu nome seu pai sempre quis/ Foi lutar na guerra, que decepção/ Ao ver seus irmãos morrendo no chão/ Voltando pra casa cheio de tristeza/ Sua vida toma outra direção.

Francisco de Assis, tu és meu irmão. (bis)

2. Francisco pensava, mas nada entendia/ O que se passava no seu coração/ Saía à procura de várias respostas/ Descendo ao fundo de uma solidão./ Foi na natureza que encontrou a beleza/De Deus franqueza foi observar./ E neste vazio se enche de luz/ E encontra Jesus nos pobres de Assis.

Francisco de Assis, tu és meu irmão. (bis)

3. Francisco queria um mundo fraterno/ De justiça e de paz ele sempre falou/ Encontra irmã clara que seu rumo tomou/ Foram de mundo afora levando o amor/ Francisco louvava, cantava e rezava:/ "Meu Deus e meu tudo", falava ao Senhor/ E seus irmãos com ele seguiam/ Com grande alegria serviam ao amor.

Francisco de Assis, tu és meu irmão. (bis)
Ó Clara de Assis, tu és minha irmã. (bis)
Toda a natureza te chama de irmão.


OITO SÉCULOS SE PASSARAM

1. Oito séculos se passaram./ Você, Francisco, ficou,/ pois sua vida perdendo,/ de Deus a vida ganhou.

VOLTE FRANCISCO/ESTA TERRA/ TRAZENDO O CRISTO DE NOVO/ A VOZ DOS QUE EVANGELIZAM/ AO CORAÇÃO DO SEU POVO.

2. Seu amor imitaremos/ que em Deus no amor é firmado/ em cada ser vendo um irmão/ no homem, Cristo encarnado.

3. Oponha o seu desapego/ à nossa fome de ter/ nossas mãos serão abertas/ pra dividir não reter.

4. A nossa palavra seja/ com teu reino comprometida/ breve e simples como a sua/ confirmado pela vida.

5. Você de Cristo é mensagem/ feito carne e feito amor/ como ontem, hoje e sempre/ viva imagem do Senhor.


IMITANDO SÃO FRANCISCO

1. Foi pregada por Francisco, a palavra de Jesus. Escudeiro para a vida, esperança que reluz.

IMITEMOS SÃO FRANCISCO, NA ESCUTA DO SENHOR. FOI EXEMPLO PARA TODOS, NA POBREZA E NO AMOR.

2. A palavra do Senhor, vamos pois agora ouvir. Colocando em nossa mente, o caminho a seguir.



ESPELHO DA PERFEIÇÃO

1. Não, não conhecera o cansaço. Foi quem mais imitou a Jesus. Falava da lua, de flores, do campo. Por onde passava. O nosso irmão lobo, a nossa irmã terra, Francisco louvava.

MAS ELE É O EXEMPLO DE VIDA, QUE EU TRAGO NO CORAÇÃO, O ESPELHO DA PERFEIÇÃO(BIS) FRANCISCO DE ASSIS, FRANCISCO DE ASSIS.

2. Não, não quis saber de riquezas. Deixou tudo e se converteu. Falava com pobres, leprosos e cegos, a quem ele via. O nosso irmão vento, o nosso irmão sol que nos traz novo dia.

3. Não, ele não quis microfone. Seu jeito fez empolgar multidões. Louvava a Deus, falava de paz e bem para o mundo. As mãos para o céu. Francisco falava: Meu Deus e meu tudo.



DO BOM JESUS

DO BOM JESUS, / FIEL GUARDA ZELOSO/ AMOR À CRUZ/ O TEU VIVER NOS DIZ./ DÁ-NOS SENTIR, ARDOR TÃO GENEROSO, ROGA POR NÓS/ SÃO FRANCISCO DE ASSIS.

1. Por teu Jesus o mundo desprezaste/ Nem de teu pai o amor te dominou/Só para Deus tua alma destinaste/Só para Deus teu coração pulsou.

2. E só Jesus, Jesus crucificado/ te mereceu inteiro o coração./De tanto amor. Oh! Foste premiado/Tendo em teu corpo os sinais da Paixão.

3. E foste Pai e amigo da pobreza,/ soubeste a dor do triste mitigar,/Dos filhos teus ainda hoje é riqueza valer o pobre, a fome lhe matar.



CANTIGA POR FRANCISCO

1. Meu amigo deixou seu dinheiro, sua herança e os direitos que tinha. Era jovem demais o menino, disse o pai, o vizinho e a vizinha. Meu amigo encontrou a verdade em seu rosto banhado de luz, pelas ruas de sua cidade, meu amigo imitava Jesus.

IRMÃO VENTO, IRMÃO SOL, IRMÃ LUA, IRMÃO LOBO, TU ÉS MEU IRMÃO./ ROUXINOL, SABIÁ, CRIATURAS DE DEUS, SOMOS OBRAS DE SUAS MÃOS.

2. Meu amigo viveu sem ter nada, por esposa escolheu a pobreza. Era jovem demais o menino, não podia ter tanta certeza: foi assim que ele abriu um caminho para que vivesse só de amor. Não ficou muito tempo sozinho: gente nova seguiu com fervor.

3. Hoje em dia nos jovens que vejo, irrequietos num mundo infeliz, eu renovo a esperança e o desejo de topar com Francisco de Assis...calça Lee, pé no chão, mundo novo, mil idéias de renovação, eles são consciência do povo, queira Deus que eles cresçam irmãos.



ORAÇÃO PELA PAZ

1. Cristo, quero ser instrumento de tua paz e do teu infinito amor: Onde houver ódio e rancor, que eu leve a concórdia, que eu leve o amor.

ONDE HÁ OFENSA QUE DÓI, QUE EU LEVE O PERDÃO./ONDE HOUVER A DISCÓRDIA, QUE EU LEVE A UNIÃO, E A PAZ.

2. Mesmo que haja um só coração que duvida do bem, do amor e do céu,/ quero com firmeza anunciar a Palavra que traz a clareza da fé.

3. Onde eu encontrar um irmão a chorar de tristeza, sem ter voz e nem vez,/ quero bem no seu coração semear alegria, pra florir gratidão.

4. Mestre, que eu saiba amar, compreender, consolar e dar sem receber! Quero sempre mais perdoar, trabalhar na conquista e vitória da cruz.



SALVE, Ó FRANCISCO

1. Salve, ó Francisco, que do pé das fragas,/ Vens assinalado/ de sagradas chagas.

CHEIO DE AMOR/CHEIO DE AMOR/ AS CHAGAS TRAZES / DO SALVADOR.

2. E ninguém sabia/já dizer com veras/se eras Francisco ou se Cristo eras.

3. Naquelas alturas/ásperas ermidas/ em ti Santas Chagas/ foram, esculpidas.

4. Quando tu oravas com tão grande ardor/ quando tu choravas/ com tão grande dor.

5. E com a presença/ do teu Redentor/ todo monte viu-se com grande esplendor.

6. O olhar potente/ do Senhor eterno/ encheu-te a alma/ de amor supremo.

7. As divinas chagas/ de amor sinais/ logo em ti formaram/ outras bem iguais.

8. E que maravilha/ ser já transformado/ teu corpo e alma no Deus humanado.

9. De suas grandezas/ tu trazes o selo/ semelhante a Cristo/ és como modelo.



SÃO FRANCISCO DE ASSIS

1. Quando o fogo do amor ardeu no peito, vindo da luz tão radiante de Jesus. Não resistiu a este amor puro e perfeito, seguiu feliz o estigma da cruz! E na pobreza foi reerguer Santa Maria, e nela toda Igreja do Senhor. Na Eucaristia, na alegria, o dia-a-dia, ele vivia o Evangelho com fervor.

A GENTE PODE SER MUITO MAIS FELIZ, SEGUINDO O EXEMPLO DE FRANCISCO DE ASSIS.

2. Lá entre flores encontrou a paz e harmonia, cantando amores ao Deus da criação. Pássaros, ventos, animais, o sol e a lua, e os arvoredos, chamou todos de irmãos. Sorriu aos pobres, seus amigos preferidos, viu Jesus Cristo no semblante do irmão, com os mais sofridos, mais amados, mais queridos. Na sua mesa ele repartiu o pão.

3. Depois vieram também Clara e Antonio, e muitos outros com entusiasmo e ardor. E tão somente pela fé em Jesus Cristo, eles fizeram a revolução do Amor. E este "Amor foi tão amado" por Francisco, que o seu ser, se revestiu de luz. E na explosão da graça em felicidade, celebrou sua páscoa nos estigmas da cruz.




Faça sua doação